Copa do Mundo - 1934

Autor: 
MBPress

copa do mundo de 1934

A Copa do Mundo de 1934 foi a primeira a ser realizada na Europa. O país escolhido foi a Itália, do ditador Benito Mussolini, que desde 1929 já planejava organizar o Mundial para ganhar ainda mais poder e elevar o fascismo, que vigorava na época no país. O governante, percebendo a força que o esporte tinha, incumbiu o general Giorgio Vaccaro de conseguir levar a competição ao país. Antes mesmo de começar, o certame já ganhava ares políticos.

Diferentemente do que aconteceu na primeira edição, no Uruguai, os participantes do Mundial foram definidos em Eliminatórias. Foram 32 inscritos e, após disputas dentro dos continentes, classificaram-se 16 equipes. A própria Itália passou por essa fase para poder disputar o torneio. Países importantes como a Inglaterra e o Uruguai, então campeão do mundo, sequer inscreveram-se para a competição. Os sul-americanos agiram em protesto pelo fato de os europeus terem desprestigiado o torneio quatro anos antes.

O Brasil, mesmo com crises internas e uma briga entre a Confederação Brasileira de Desportos (CBD) e os clubes, que queriam criar a Federação Brasileira de Futebol, foi à Itália. A equipe contou com diversos jogadores do Botafogo e apenas quatro atletas de times paulistas. O principal nome da seleção era Leônidas da Silva, conhecido como Diamante Negro. Mas a ausência do zagueiro Domingos da Guia, o Divino Mestre, do Vasco, foi muito sentida.

A competição foi aberta no dia 27 de maio, com todas as partidas das oitavas-de-final sendo disputadas na mesma data. Confira nas próximas páginas os grupos e jogos da competição e saiba quem ficou com a taça.