Campeonato Inglês - Liverpool

Liverpool Football Club

Nome: Liverpool Football Club

Apelido: The Reds (os vermelhos)

Data de fundação: 15 de março de 1892

Localização: Liverpool, Inglaterra.

Estádio: Anfield, com capacidade para 45.362 torcedores.

Principais títulos:

Campeonato Inglês (18) :
1900/1901, 1905/1906, 1921/1922, 1922/1923, 1946/1947, 1963/1964, 1965/1966, 1972/1973, 1975/1976, 1976/1977, 1978/1979, 1979/1980, 1981/1982, 1982/1983, 1983/1984, 1985/1986, 1987/1988, 1989/1990

Liga dos Campeões (5) :
1976/1977, 1977/1978, 1980/1981, 1983/1984 e 2004/2005

Copa da Uefa (3) :
1972/1973, 1975/1976 e 2000/2001

Copa da Inglaterra (7) :
1964/1965, 1973/1974, 1985/1986, 1988/1989, 1991/1992, 2000/2001 e 2005/2006

Supercopa Européia (3) :
1977, 2001 e 2005

Supercopa Inglesa (1) :
1985/1986

Brasileiros no clube:
Diego Cavalieri
Lucas

*ACOMPANHE AQUI OS RESULTADOS DO CAMPEONATO INGLÊS


John Houlding era o responsável pelo estádio Anfield no fim do século 19. Naquele tempo, o time que jogava por lá era o Everton. Acontece que o empresário inglês sugeriu que o clube comprasse o terreno em volta e as instalações, proposta que foi rejeitada pela diretoria do Everton. Assim, depois de uma série de desentendimentos, o Everton abandonou sua antiga casa para construir seu próprio estádio.

Convencido de que aquela estrutura precisava receber jogos de futebol, John Houlding e alguns sócios do clube romperam com o Everton e, em 15 de março de 1892, fundaram o Liverpool. Tendo que construir um elenco, os primeiros dirigentes recorreram à Escócia para montarem o time.

Naturalmente, o Everton ainda era a maior equipe da cidade. Mas o Liverpool colecionou vitórias nos seus primeiros meses de existência - algumas por goleada -, começando a preocupar seu vizinho mais ilustre. Naturalmente, surgiu uma rivalidade entre as duas equipes.

Na temporada 1900/1901, o Liverpool montou seu primeiro grande time. Depois de um bom início no Campeonato Inglês, a equipe começou a vacilar e caiu de rendimento no meio da competição. Foi uma excelente arrancada final que acabou dando o primeiro título inglês de sua história ao Liverpool.

Em 1906, o time conquistou seu segundo título da liga nacional. O feito só viria a se repetir em 1922. Então, em 1923, o Liverpool foi bicampeão pela primeira vez. Até 1965, a equipe nunca tinha conquistado outro título que não fosse o Campeonato Inglês, também vencido em 1947 e 1964. Em 1965, o clube foi campeão da Copa da Inglaterra pela primeira vez na sua história.

Campeão inglês em 1976, o Liverpool ganhou o direito de disputar a Liga dos Campeões na temporada seguinte. A equipe já havia vencido uma competição continental, a Copa da Uefa do ano anterior. A equipe começou então uma das eras mais vitoriosas de sua história. Conquistou a taça mais importante do futebol europeu duas vezes seguidas, em 1977 e 1978, além do Inglês de 1977.

Em 1979 e 1980, mais dois títulos da primeira divisão inglesa. O Liverpool era o grande time europeu naquele momento, hegemonia na Inglaterra e fora dela. Em 1981, foi campeão, mais uma vez, da Liga dos Campeões. Na final do Mundial, no entanto, perdeu para o Flamengo.

O Liverpool continuou sua hegemonia com títulos ingleses em 1982, 1983 e 1984. Neste último ano, também conquistou mais uma vez a Liga dos Campeões. Em 1985, uma tragédia. A equipe inglesa chegou mais uma vez à final da principal competição continental européia, contra a Juventus. A partida foi jogada no estádio Heysel, em Bruxelas.

Depois de ver seu time ser derrotado por 1 a 0 e perder o título, os torcedores do Liverpool se lançaram contra os fãs do clube adversário, que se defenderam atrás de uma parede. O muro cedeu e 39 torcedores da Juventus morreram no acidente. Isto levou a Uefa a banir todos os clubes ingleses das competições européias por cinco anos e o Liverpool por seis.

A proibição interrompeu a seqüência de hegemonia do futebol inglês – e do Liverpool – na Europa. Entretanto, o clube ainda conseguia os melhores resultados no seu país. Durante a suspensão, a equipe foi campeã inglesa em 1986, 1988 e 1990.

Entre 1991 e 2000, um período de vacas magras. O único título de expressão conquistado neste período foi a Copa da Inglaterra de 1992. Somente em 2001 o Liverpool voltou a brilhar. Este, por sinal, foi um ano vitorioso para o clube, que ganhou a Copa da Inglaterra e a Copa da Uefa.

Em 2005, o clube conquistou sua primeira Liga dos Campeões desde o desastre do estádio Heysel, em 1985. Com uma vitória espetacular sobre o Milan nos pênaltis, depois de conseguir empatar uma partida que perdia por 3 a 0, a equipe venceu a competição européia pela quinta vez em sua história.

Em 2006, o time conquistou novamente a Copa da Inglaterra, seu último título de expressão. Em 2007, os empresários americanos George Gillet e Tom Hicks compraram o Liverpool. Eles já investiram na construção de um novo estádio e na contratação de mais jogadores para o elenco. A negociação teve o valor de 470 milhões de libras.

Mascote

Como o brasão da cidade de Liverpool é um pássaro, o escudo do time de futebol também tem uma ave desenhada. O animal é a mascote da equipe.


Mascote do Manchester City

­